Mais Diferenças - Educação e cultura inclusivas

Ações do usuário

Entrar Cadastre-se
Conteúdo
Home » Educação » Brincar

O que é o Projeto Brincar?

O Projeto Brincar é uma iniciativa da Fundação Grupo Volkswagen, concebida e executada pela Mais Diferenças em parceria com a Secretaria Municipal de Educação. Desde 2017, o Brincar propõe a criação e experimentação de práticas pedagógicas inclusivas na Educação Infantil e incentiva a realização de brincadeiras que envolvam todas as crianças, com e sem deficiência.

As ações do Brincar envolvem assessoria à gestão escolar, formação de educadores, acompanhamento pedagógico, produção de recursos pedagógicos acessíveis e ações de mobilização junto às comunidades escolares.

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS/ONU) foco do Brincar

  • Objetivo 4: Assegurar a educação inclusiva e equitativa e de qualidade, e promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todas e todos
  • Objetivo 10: Reduzir a desigualdade dentro dos países e entre eles
  • Objetivo 17: Fortalecer os meios de implementação e revitalizar a parceria global para o desenvolvimento

Breve histórico do Projeto Brincar

Imagem de fundo branco com uma linha horizontal azul posicionada no centro. É uma linha do tempo que vai de 2017 a 2020, com destaques para cada ano. Em 2017, 13 Unidade Educacionais, 406 profissionais formados e eventos de mobilização das comunidades. Em 2018, 108 Unidades Educacionais, 1087 profissionais formados e Oficinas com famílias e crianças. Em 2019, 545 Unidades Educacionais, 1.411 profissionais formados e Laboratório de Práticas Pedagógicas Inclusivas. Em 2020, 1.974 Unidades Educacionais, 7.813 profissionais formados e executado totalmente de forma remota.

Em 2020, devido a pandemia de Covid-19, o Projeto Brincar foi realizado totalmente de forma remota e, ainda assim, conseguiu envolver um total de mais de 7 mil profissionais em suas atividades. A principal ação formativa do ano foi a Oficina Brincar Inclusivo, um curso de 10h que foi oferecido a mais de 1400 educadores de todas as 13 Diretorias Regionais de Educação da cidade de São Paulo. A Oficina pautou a diversificação das atividades e o planejamento pedagógico inclusivo, buscando criar um olhar inventivo para os espaços da casa e propondo atividades inclusivas para realizar com as crianças por meio virtual e em um cenário de retorno com distanciamento social.

Nos primeiros três anos de implementação (2017-2019), a iniciativa teve como eixo principal o oferecimento de formações em 13 Unidades Educacionais (UEs) da rede municipal de São Paulo, nos horários de trabalho pedagógico coletivo dos educadores. Como ação aliada à formação, os consultores pedagógicos da Mais Diferenças acompanhavam diferentes momentos do cotidiano escolar para desenvolvimento, junto aos educadores, de práticas pedagógicas inclusivas a partir dos aspectos teóricos discutidos em formação.

Em 2019, iniciou-se a transição da formação nas Unidades Educacionais para formações oferecidas diretamente nas Diretorias Regionais de Ensino, por livre adesão de profissionais de diferentes UEs. Ainda assim, prezou-se por manter a metodologia de combinar a formação com o acompanhamento in loco de tal forma que alguns dos participantes dessas formações ampliadas receberam visitas pedagógicas em suas UEs. Ainda em 2019, foi iniciado o Laboratório de Práticas Pedagógicas Inclusivas, um curso de 20h voltado a diversificar e ampliar repertórios em diferentes linguagens artísticas e culturais, fortalecendo a discussão das interfaces entre educação, cultura, artes, acessibilidade e inclusão.

Em 2017 e 2018, além das formações, o Brincar desenvolveu e assessorou a realização de oficinas para famílias e crianças nas 13 Unidades Educacionais polo, com objetivo fortalecer o vínculo entre a comunidade escolar e a importância do brincar como direito humano. Os encontros realizados aos fins de semana com famílias de crianças com e sem deficiência e seus educadores promoveram o incentivo à prática de brincadeiras que envolvam a todos no contexto familiar.

Desde 2018, a equipe do Projeto produz e disponibiliza gratuitamente uma série de materiais pedagógicos com sugestões de atividades e brincadeiras acessíveis e inclusivas, que podem ser encontrados na seção “Materiais” abaixo.

 


Notícias sobre o projeto


Eixos de trabalho


Depoimentos


Publicações

Você será redirecionado automaticamente para um site externo. Verifique se popups estão habilitados em sue navegador.
A janela não abriu ? clique aqui para abrir

Materiais Pedagógicos